Mundial de Kart no Brasil é cancelado. Competição acontecerá na Espanha

Prevaleceu a pressão dos fabricantes de chassis e componentes (em sua maioria sediados na Itália). O Mundial de Kart OK e OKJ previsto para 2 a 5 de dezembro no Kartódromo Speed Park (Birigui) foi cancelado pelo segundo ano consecutivo. E será substituído por uma sede espanhola, de 28 a 31 de outubro.

A alegação oficial apresentada no comunicado por Felipe Massa, presidente da Comissão Internacional de Kart (CIK/FIA) é “a situação global causada pela pandemia de Covid-19”. Algo que na prática não se sustenta totalmente, como mostra a disputa cada vez mais provável do F1 GP de São Paulo, dia 14 de novembro, em Interlagos. Além disso, boa parte dos países levantou as restrições para cidadãos vindos do Brasil, desde que vacinados ou devidamente testados. E a própria logística da competição a transformava numa espécie de bolha, com o respeito a todos os protocolos sanitários de prevenção.

Mais do que isso, o promotor Ricardo Gracia (proprietário do Speed Park) se comprometeu a arcar com os custos de transporte do equipamento vindo da Europa. E incentivos extras foram oferecidos por ele e pela CBA para os participantes brasileiros. Apesar dos esforços de Massa e do presidente da FIA Jean Todt – havia a perspectiva de disputa no Brasil mesmo sem as equipes de fábrica –; falou mais forte a posição dos construtores, normalmente avessos às provas fora da Europa.

Siga o Racemotor nas redes sociais:

Instagram

Facebook

Twitter

Comentário

Este site utiliza cookies para aprimorar sua experiência. Clique em Aceitar se concordar. Aceitar Leia mais