Fórmula E chega a Berlim para rodada dupla no aeroporto

A pista que mais recebeu provas da Fórmula E recebe neste fim de semana uma rodada dupla válida pela sétima e oitava etapas do Mundial ABB FIA 2022. A cidade alemã é parte da categoria desde a primeira temporada (2014/2015). E o aeroporto desativado Tempelhof só não foi usado em 2016. Em 2020, por causa da pandemia, ele foi escolhido para receber as seis corridas que definiram o título daquele ano. Com direito ao traçado de 2.345m usado nos dois sentidos.

É o que vai acontecer também este ano. O E-Prix do sábado (14) acontecerá no sentido tradicional (anti-horário). No domingo, a direção se inverte. Um desafio a mais para os pilotos.

Os dois brasileiros têm boas lembranças de Berlim. Lucas di Grassi (Rokit Venturi) venceu em 2019, ainda pela Audi. Um resultado importante para a montadora alemã em seu país. “Nosso objetivo é o de brigar pelas primeiras posições mais uma vez. Embora o circuito permita ultrapassagens, uma boa posição de largada é importante para termos mais tranquilidade de brigar mais à frente”, explica.

Energia

Já Sérgio Sette Câmara (Dragon Penske) estreou na F-E justamente no Tempelhof, em 2020 – substituiu Brendon Hartley na reta final do campeonato. E apesar das limitações de seu equipamento, espera uma corrida consistente como a de Mônaco, em que terminou na 13ª posição.

“Apesar de aparentemente ser igual em virtude do tipo do asfalto, temperatura e ambiente externo os acertos do carro mudam bastante de um dia para o outro. Acredito que a pista é OK para o nosso carro. No qualifying imagino que poderemos buscar uma classificação um pouco melhor, porém, ano passado, nas corridas, sofremos bastante com o consumo de energia. A pista é bem larga, tem muitos pontos de ultrapassagem e se você tem de poupar energia, torna-se um alvo muito fácil para os adversários”, destaca.

O mineiro conversa com diferentes equipes para 2023, já que a Dragon renovará totalmente sua dupla de pilotos. Como representante oficial da DS (Grupo Stellantis), contará com o bicampeão Jean-Eric Vergne e com Stoffel Vandoorne. Envision; Nio333 e a provável McLaren (com a estrutura da Mercedes e motores Nissan) são possíveis destinos.

Programação

No sábado os carros vão à pista pela primeira vez para os treinos livres às 2h10 (de Brasília). A definição do grid começa às 5h35 e a largada do E-Prix acontece às 10h. Os horários se repetem no domingo.

Siga o Racemotor nas redes sociais:

Instagram

Facebook

Twitter

Comentário

Este site utiliza cookies para aprimorar sua experiência. Clique em Aceitar se concordar. Aceitar Leia mais