Verstappen e Red Bull sobram no GP do Azerbaijão. Ferrari fora

Domínio mais fácil que o esperado para a Red Bull no GP do Azerbaijão, oitava etapa do Mundial de Fórmula 1 2022. Se a expectativa era de disputa dos carros do touro vermelho com a Ferrari, Carlos Sainz e Charles Leclerc deram adeus à prova com problemas mecânicos. Depois de superar o companheiro Sergio Perez na 15ª volta, Max Verstappen teve vida tranquila para chegar à quinta vitória no ano, seguido pelo mexicano. George Russell (Mercedes) mais uma vez se aproveitou dos incidentes à frente para completar o pódio.

Leclerc, pole, foi superado por Perez na largada. O mexicano estabeleceu vantagem superior a dois segundos, enquanto o monegasco era acompanhado por Verstappen. Sainz vinha distante em quarto, numa estratégia diferente de pitstops. Já na nona volta encostou seu F1-75.

Com o Virtual Safety Car, a Ferrari chamou Leclerc para seu pit. O mesmo aconteceu com os dois carros da Mercedes; a Aston Martin de Sebastian Vettel e as AlphaTauri de Pierre Gasly e Yuki Tsunoda. A Red Bull manteve seus carros na pista – Perez, já em segundo, parou na volta 17, duas antes do companheiro. A Ferrari #16 assumiu a liderança, por pouco tempo: a fumaça vinda do motor confirmou o segundo abandono do dia para a Scuderia.

Porpoising

Tranquila na frente, a Red Bull se aproveitou de outro VSC (causado pela quebra de Kevin Magnussen) para chamar seus carros novamente ao box. Estratégia seguida pela Mercedes. Russell manteve a terceira posição, enquanto Lewis Hamilton tinha pela frente as duas AlphaTauri. Os dois W13 mostravam no retão de forma visível o fenômeno do porpoising. O heptacampeão Superou Tsunoda e Gasly, com pneus desgastados, para cruzar em quarto. Seguido por Gasly e pela Aston Martin de Sebastian Vettel, mais uma vez bem nas ruas de Baku.

Fernando Alonso (Alpine); Daniel Ricciardo (McLaren), Lando Norris (McLaren) e Esteban Ocon (Alpine) fecharam a zona de pontuação. Tsunoda perdeu um sexto lugar tranquilo – recebeu bandeira preta e laranja e foi obrigado a entrar no pit para corrigir um problema na asa móvel.

Siga o Racemotor nas redes sociais:

Instagram

Facebook

Twitter

Comentário

Este site utiliza cookies para aprimorar sua experiência. Clique em Aceitar se concordar. Aceitar Leia mais