Extreme E chega à Sardenha para rodada dupla

A Extreme E finalmente retoma seu campeonato nesta semana, com direito a rodada dupla. Quase cinco meses depois de visitar a Arábia Saudita, a categoria com os buggies elétricos Odyssey 21 desembarca na ilha italiana da Sardenha, para as duas etapas válidas pelo Island X Prix. Uma delas, nesta quarta e quinta-feira (7), substitui o previsto Ocean X Prix, que acabou tirado do calendário. A outra acontece no sábado e domingo.

Favoritismo lógico da dupla da Rosberg X Racing (RXR) – Johan Kristofferson e Mikaela Ahlin-Kottulinsky-; vencedores em Al’Ula. Kristofferson é o atual campeão, enquanto Mikaela vem da JBXE (de Jenson Button) e trocou de lugar com a australiana Molly Taylor.

O traçado de sete quilômetros no interior de uma instalação militar italiana apresenta piso semelhante aos encontrados no Rally da Sardenha (WRC), com pedras. Apesar de alguns trechos mais técnicos, o piso mais compacto deve favorecer justamente os pilotos com experiência no rally de velocidade, a começar pelos campeões mundiais Sebastien Loeb (X44) e Carlos Sainz (Acciona).

A equipe XITE conta com um novo piloto: o experiente alemão Timo Scheider, bicampeão do DTM e com participações também no Rallycross. Ele substitui o titular e dono do time Oliver Bennett, que se dedica essa semana justamente ao RX. A italiana Tamara Molinaro, que ocupou o posto de Klara Andersson na primeira etapa, foi mantida para as etapas em seu país.

Nesta quarta (6) acontecem as duas sessões de qualificação que definirão as semifinais de quinta. Delas saem os quatro times finalistas.

Siga o Racemotor nas redes sociais:

Instagram

Facebook

Twitter

Comentário

Este site utiliza cookies para aprimorar sua experiência. Clique em Aceitar se concordar. Aceitar Leia mais