UTV de R$ 1,15 milhão é destaque nas primeiras etapas do Dakar 2024

Segunda etapa do Dakar 2024 superada e, na classe Challenger dos UTVs (T3, de maior preparação e potência, aberta a protótipos), o bicho-papão das últimas edições aparece apenas na quinta posição. O chileno Francisco ‘Chaleco’ Lopez Contardo é o melhor classificado entre os pilotos com o Can-Am Maverick XRS Turbo, a mais recente versão de competição da marca do grupo BRP.

À frente dele estão quatro exemplares de um modelo fabricado em apenas 12 exemplares no ano passado: o Taurus T3 Max. Um UTV protótipo desenvolvido pela empresa francesa MCE-5, especializada em projetos de mobilidade, que apareceu pela primeira vez no Dakar no ano passado. E ganhou força após a parceria com a holandesa Wevers Sport, que passou a fazer a montagem e a preparação do Taurus para as competições.

O T3 Max é empurrado por um motor 1.0 turbo e, diferentemente do Can-Am, conta com um câmbio sequencial de cinco marchas. As suspensões usam os amortecedores Reiger (referência no WRC) e a carroceria é fabricada em fibra de carbono.

Brasileiros

Além dos quatro primeiros colocados na geral do Dakar 2024 após a segunda etapa, os brasileiros Marcelo Gastaldi / Cadu Sachs e Gunter Hinkelmann / Fabrício Bianchini estão entre os que competem com os Taurus T3 Max.

Por se tratar de um modelo fabricado em menor escala, o preço é ainda mais salgado que o dos rivais. Preparadora oficial da Can-Am, a South Racing pede, em média, 175 mil dólares (o equivalente a R$ 850 mil) por um Maverick T3 novo. Já o valor básico do T3 Max é de 215 mil euros, ou R$ 1,15 milhão. O que pode aumentar de acordo com os equipamentos escolhidos para a montagem. Para este ano está prevista a construção de 30 unidades.

Os dois casos mostram a escalada dos valores também entre os UTVs (especialmente os T3), que começaram a se popularizar nos ralis e a atrair pilotos dos carros também por um custo mais favorável na comparação com os T1+, por exemplo. Em breve a Can-Am deve homologar seu Maverick R, mais extremo projeto da marca e que certamente fará os orçamentos crescerem ainda mais.

Siga o Racemotor no:

Threads

Instagram

Facebook

Twitter

Você também pode gostar
Deixe seu comentário

Este site utiliza cookies para aprimorar sua experiência. Clique em Aceitar se concordar. AceitarLeia mais