McLaren homenageia Ayrton Senna na decoração para o GP de Mônaco

Atualmente a segunda força no Mundial de Fórmula 1, a McLaren mantém a tradição dos últimos anos de usar decorações especiais para o GP de Mônaco, oitava etapa da temporada. Desta vez, com cores bastante conhecidas. A equipe de Woking e seus patrocinadores se inspiraram no capacete de Ayrton Senna, com o verde, amarelo, azul e o branco da bandeira brasileira, para lembrar os 30 anos da morte do tricampeão. Senna venceu seis vezes a prova no Principado, o que o fez ser conhecido como “Rei de Mônaco”.

“A equipe tem orgulho de reconhecer e celebrar a vida extraordinária e o legado de Ayrton Senna através desta pintura da McLaren. Senna continua sendo reverenciado e respeitado como o maior ícone da Fórmula 1 e o piloto mais condecorado da McLaren. Seu impacto na McLaren é enorme, não só pelo seu histórico de corridas, mas também pela sua presença na equipe e, agora, pelo seu legado. É uma honra correr para ele em seu circuito de maior sucesso com as cores verde, amarela e azul”, destacou o CEO da McLaren Zak Brown.

Além dos MCL38 de Lando Norris e Oscar Piastri, a McLaren reproduziu as cores em um exemplar único do McLaren Senna, batizado de Senna Sempre. A versão do superesportivo foi desenvolvida pela McLaren Special Operation.

Siga o Racemotor no:

Threads

Instagram

Facebook

Twitter

Você também pode gostar
Deixe seu comentário

Este site utiliza cookies para aprimorar sua experiência. Clique em Aceitar se concordar. AceitarLeia mais