Trio supera teste de novatos em Indianápolis. Agora é a vez de Kyle Larson

Uma semana movimentada no oval mais famoso do mundo. O Indianapolis Motor Speedway recebe as máquinas da NTT Indycar Series (Fórmula Indy) para dois tipos de testes diferentes. Quatro pilotos que farão em 2024 sua estreia nas 500 Milhas de Indianápolis encaram o Rookie Orientation Program (ROP), em que ganham velocidade progressivamente na pista de 2.5 milhas até poder buscar seus limites e, uma vez aprovados, estão autorizados a participar no ‘Greatest Spectacle in Racing’.

Além disso, nesta quinta (12) e sexta, Ganassi e Andretti Global, pelo lado da Honda, e Penske e Arrow McLaren, como representantes da Chevrolet mandam à pista carros com os motores 2.2 V6 biturbo com o sistema híbrido que estreia ano que vem.

Nesta quarta, três dos rookies superaram as três fases do ROP sem dificuldades. Tom Blomqvist (Dallara Honda #60/Meyer Shank) fechou o dia como mais rápido, com 220.176 milhas por hora (354,26km/h), seguido por Linus Lundqvist (Dallara Honda #8/Ganassi), com 353,18km/h e seu companheiro de equipe Marcus Armstrong, no #11, com 352,77km/h.

O quarto rookie passará pelo programa nesta quinta, cercado de atenção. Kyle Larson terá seu primeiro contato com o Dallara Chevrolet da Arrow McLaren (patrocínio da Hendrick) com que pretende disputar as 500 Milhas no ano que vem. Ele quer se tornar o quinto piloto na história a correr em Indianápolis e, em seguinda, nas 600 Milhas de Charlotte, pela Nascar Cup Series.

Híbrido

Seis pilotos estarão encarregados de andar com os motores híbridos. O bicampeão Alex Palou (Ganassi); Colton Herta (Andretti), Will Power (Penske) e Alexander Rossi (McLaren) treinam na quinta. Palou e Power também testarão na sexta, desta vez com a companhia de Marcus Ericsson (Andretti) e David Malukas (McLaren). Para os dois últimos é uma chance de estrear em suas novas equipes sem gastar os dias de testes limitados pelo regulamento.

Siga o Racemotor no:

Threads

Instagram

Facebook

Twitter

500 MilhasArticleBlomqvistIndianapolis Motor SpeedwayIndy 500Larson Indymotor híbrido IndyNewsArticleROP Indy
Comentários (1)
Adicionar comentários